Em defesa da Educação: Sindeducação protocola documentação no Ministério Público que vai embasar denúncia contra a Prefeitura.

 

foto152

Os diretores do Sindeducação estiveram na manhã de hoje, 15 de agosto, no Ministério Público Estadual para protocolar a documentação que vai ser utilizada no processo que o MPE abriu contra a Prefeitura de São Luís por não cumprir os prazos de entrega das 25 creches, 20 escolas e quadras esportivas. O processo foi aberto depois das constantes denúncias que o Sindeducação fez a Promotoria da Educação.

Desde outubro de 2013 que a Prefeitura de São Luís recebeu os recursos do FNDE para a construção de unidades de ensino, mas até hoje somente quatro creches estão em obras e sem prazo para a entrega. A prefeitura já pediu inúmeras prorrogações de prazos e caso as obras não sejam entregues até o ano que vem, os recursos terão que ser devolvidos ao Governo Federal prejudicando milhares de crianças da capital.

foto 153

Na quarta-feira passada, 09 de agosto, aconteceu uma audiência na Vara de Interesses Difusos e Coletivos onde promotor da educação, Paulo Avelar foi muito duro e enfático ao cobrar ação da Prefeitura de São Luís que não apresentou nenhuma solução para o problema e a cada dia protela a situação.

Para a professora Elisabeth Castelo Branco toda essa prática demonstra a falta de compromisso e a omissão da Prefeitura de São Luís com a Educação Pública Municipal.

“Os recursos chegaram aos cofres da Prefeitura de São Luís, mas nenhuma obra foi entregue até hoje e apesar das cobranças, a Prefeitura não apresenta nenhuma justificativa nem para o Sindeducação, nem para o Ministério Público e muito menos para a sociedade. O prefeito Edivaldo Holanda Junior não tem responsabilidade com os recursos da educação e nem compromisso com as crianças” enfatizou a Professora Elisabeth.

Câmara de Vereadores

foto 15

Ainda na manhã desta terça-feira, as diretoras do Sindeducação, Professora Elisabeth Castelo Branco, Professora Josidete Barbosa e a Professora Gleise Sales foram até a Câmara de Vereadores de São Luís conclamar os parlamentares para as causas da educação. A presidente do Sindeducação, Elisabeth Castelo Branco aproveitou a ida a Casa para protocolar um pedido de audiência com os vereadores para expor a real situação em que se encontra a educação no município de São Luís

“Hoje viemos saber qual vereador está do lado e lutando pela educação de São Luís. Esperamos que nesse momento de enfrentamento tenhamos a adesão dessa casa parlamentar. Já protocolamos um pedido de reunião onde vamos mostrar aos vereadores de que forma o Prefeito Edivaldo Holanda Junior está tratando a educação de São Luís” disse a presidente do Sindeducação Elisabeth Castelo Branco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *