Sindeducação mobiliza vereadores para alteração do PCCV com resolução da problemática de acúmulo de cargos

Imagem da reunião realizada no último dia 15, entre Sindeducação e vereadores.

Nesta segunda-feira, 21, a Direção do Sindeducação reúne-se com o vereador Osmar Filho, presidente da Câmara Municipal, para tratar da proposta de lei que altera o Plano de Carreiras – PCCV do Magistério Municipal com o objetivo de regulamentar a implantação da Ampliação de Jornada para os professores da Rede, nesse primeiro momento, resolvendo a questão de acúmulo de cargos.

Na última terça, dia 15, a diretoria esteve reunida com os vereadores Pavão Filho, Sá Marques e Cézar Bombeiro, tratando dessas alterações. Pavão Filho deu entrada, no último dia 4, em um projeto de lei que contém proposta do Sindeducação, aprovada em assembleia, para a resolução dessa problemática de acúmulo de cargos.

Registro de protocolo do PL que altera o PCCV.

No dia 26 de setembro de 2019, os professores da Rede Municipal de São Luís aprovaram, em Assembleia Geral, a minuta de ampliação de jornada para professores da Rede Municipal com dois vínculos em situação de acúmulo de cargos.

Relembre clicando AQUI.

O item que trata da possibilidade de unificação de matrículas foi rejeitado em 2019 pelos professores, que aprovaram parecer da Comissão formada pela diretoria do Sindeducação e professores de base. O novo texto, aprovado em assembleia, foi apresentado na Mesa de Negociação à Secretaria Municipal de Educação – SEMED, que se comprometeu a encaminhar, por meio do Executivo, PL para a Câmara Municipal, mas o documento nunca foi remetido pelo ex-secretário Moacir Feitosa, que deixou a proposta engavetada.

Agora, com a demissão ex-titular da Educação, o sindicato busca mobilizar a Câmara Municipal para a defesa e aprovação dessa minuta. O Sindeducação também vai discutir essa pauta na primeira reunião com o novo secretário de Educação, José Cursino, que ocorre no próximo dia 24.

Imprensa Sindeducação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.