Educar para quê? Edivaldo Holanda só pensa na reeleição! Tome asfalto!

escolas de edivaldo foto editada

Diante da crise instaurada na Educação de São Luís, a incoerência do prefeito Edvaldo Holanda Júnior é ainda mais alarmante – com a pretensão de reeleição. Em breve, ele deixa o cargo para concorrer às eleições municipais e mais uma vez falar que a EDUCAÇÃO É UMA DE SUAS PRIORIDADES. Contra fatos não existem argumentos.

Nas cinco unidades educacionais visitadas pelo Sindeducação na última semana (Carlos Macieira, Araripina de Alencar, Luís Martins, Cinderela e Gardênia Ribeiro Gonçalves) fica nítida a deserção do poder público municipal. O modelo de educação implantando pelo prefeito Edvaldo Holanda Júnior, consiste no descaso, na negligência e no desrespeito com alunos, pais e professores.

Na atual gestão municipal a educação sempre esteve inserida em um cenário crítico – sob gestões egocêntricas e despreparadas; apesar de ser uma das temáticas mais eletivas na retórica eleitoreira do prefeito. A realidade é que a educação municipal sempre viveu momentos de oscilação – um remendo aqui; um furo ali, e assim foi (e está sendo) escrita a história educacional de São Luís.

Mas, nos últimos tempos, o ensino declinou de tal forma que está cada vez mais difícil “remendar” – a degradação que assola a esfera educacional e, como todos sabem – Edvaldo Holanda Júnior é despreparado para remendar ao menos um pequeno pedaço dos infinitos problemas vigentes nesse emaranhado que ele transformou a educação pública municipal.

Grande parte da população não sabe o que ocorre nas escolas, por isso, objetivando a reeleição, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior prefere fazer parceria com o Governo do Estado apenas para pavimentar ruas e avenidas, pois sabe que assim a sociedade terá a sensação de que o mesmo está trabalhando, e ao final, poderá ir às ruas abraçar moradores e ser fotografado com um sorriso para o seu próximo cartaz de campanha eleitoral.

Então para que mesmo investir na Educação se ela não vai gerar esse cenário de campanha?!

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *