Educadores comparecem e Sindeducação lança a Campanha Salarial 2016

Em assembleia geral realizada na manhã deste sábado, dia 16 de janeiro, os educadores da rede pública municipal de São Luís deram a largada para a Campanha Salarial 2016. Liderados pelo Sindeducação, os professores presentes no ato encaminharam e aprovaram temas de interesse da categoria.
Compuseram a mesa de trabalho as professoras Márcia Dutra e Elisabeth Castelo Branco, dirigentes sindicais, o diretor financeiro do Sindeducação, Benedito Oliveira, e o assessor jurídico da entidade, o advogado Antonio Carlos. Após a abertura dos trabalhos e leitura do edital de convocação, a professora Elisabeth realizou uma rápida apresentação em que fez um balanço das conquistas alcançadas pela atual gestão – Renovar & Avançar na Luta – nos últimos três anos.

Professora Elisabeth apresenta a retrospectiva das ações da atual gestão nos últimos 3 anos.

Professora Elisabeth apresenta a retrospectiva das ações da atual gestão nos últimos 3 anos.

A professora destacou, entre outros, a reforma administrativa implementada no sindicato com a adesão de novos serviços e produtos para os associados, quitação de dívidas das gestões anteriores, reforma estrutural; já no item direitos estatutários, citou uma verdadeira atualização funcional conquistada pela diretoria para centenas de professores.

Advogado do Sindeducação, Antonio Carlos.

Advogado do Sindeducação, Antonio Carlos.

Em seguida, o advogado Antonio Carlos apresentou um histórico das últimas negociações entre categoria e governo municipal, destacando os pormenores do debate em torno de percentuais, elencando pontos que segundo o mesmo, são de extrema importância na mesa de negociação. “O importante é termos o embasamento real do percentual que queremos e iremos levar para apresentar ao município”, explicou.

Professor Antonio Carlos, um dos oradores: "O que eu quero, o que eu posso conseguir, ponderações", disse.

Professor Carlos Alberto, um dos oradores: “O que eu quero, o que eu posso conseguir, ponderações”, disse.

Logo após foram abertas as inscrições para as avaliações sobre a proposta apresentada pelo sindicato. Cerca de 10 professores utilizaram o microfone para apresentar suas ponderações, questionamentos, sugestões, críticas e propostas. Ao final das discussões houve a composição de duas propostas consensuadas em uma só, aprovada por ampla maioria dos professores presentes.

destqqq

Ampla maioria aprova a proposta de implementação imediata da Lei do Piso mais as perdas salariais (acumuladas no atual governo).

A Campanha Salarial 2016 encampa a luta pela DATA BASE sempre nos meses de janeiro, e implementação imediata da Lei do Piso mais as perdas salariais (acumuladas no atual governo). Por encaminhamento da Direção do Sindeducação uma Comissão de Negociação foi eleita em assembleia, esta, terá o objetivo de apurar o percentual de perdas acumuladas no atual governo do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, e montar a proposta detalhada que será apresentada na mesa de negociação.

Todas as reuniões e encaminhamentos realizados pela Comissão, bem como os resultados das rodadas de negociação com a administração municipal serão divulgadas nos meios de comunicação do Sindeducação.
A Comissão de Negociação ficou composta da seguinte forma: como titulares, a Direção do Sindeducação, as professoras Cássia, Mary Lourdes (aposentada) e Dolores, os professores Antonísio e Leonel; como suplentes ficaram as professoras Sauly, Aneri, Rose e Natividade (aposentada) e o professor Josivaldo. Na falta do titular o suplente participará das reuniões, sendo que cada membro só terá direito a duas faltas, sob pena de ser excluído da Comissão.

Professora Cássia fala durante escolha dos membros da Comissão.

Professora Cássia fala durante escolha dos membros da Comissão.

A prof.ª Elisabeth Castelo Branco avaliou positivamente a assembleia geral, expondo que a prática democrática, participativa, de ouvir os educadores em questões importantes como a do reajuste salarial é que fortalecem a entidade e a luta dos educadores. “A grande largada da Campanha Salarial 2016 foi dada hoje, cumprindo assim, mais um compromisso desta gestão – Renovar & Avançar na Luta – que lidera mais essa luta que será certamente, vitoriosa”, finalizou a sindicalista.

Prof.ª Elisabeth: avaliação positiva do início da mobilização em torno da campanha.

Prof.ª Elisabeth: avaliação positiva do início da mobilização em torno da campanha.

De acordo com a secretária de assuntos educacionais do Sindeducação, Márcia Dutra, a participação massiva das professoras aposentadas durante a assembleia, demonstrou o grau de mobilização destas trabalhadoras que deram grande parte de suas vidas para educaçao pública da capital. “Temos duas professoras aposentadas na Comissão, isso para nós é sinal que a categoria está e irá continuar unida nos próximos anos, mantendo a paridade que nos é de direito”, explicou a sindicalista.

A professora Izabel Cristina, também dirigente do sindeducaçao, disse que a assembleia foi proveitosa, pois conseguiu encaminhar os pontos que estavam em pauta, onde os educadores presentes deixaram de lado questões políticas partidárias e/ou pessoais, para concentrar no cerne da pauta sindical da luta salarial.

Outras assembleias gerais acontecerão com data, local e horário amplamente divulgados. Todos devem participar para se informarem sobre todas as demandas que estão sendo debatidas e encaminhadas pela Comissão de Negociação.

Imprensa Sindeducação.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *